Blog


Série Gurus - Krishnamurti

Krishnamurti – Sábio Secular

Autoconhecimento e Espiritualidade | 7 jan 2021 | Daniel De Nardi


Krishnamurti – um sábio que trouxe ciência à espiritualidade

Krishnamurti é o responsável pela secularização do conhecimento espiritual da Índia. Secular é uma palavra usada quando retira-se os aspectos que podem ser interpretados como religiosos e usa-se apenas o cerne do conhecimento. 

Um exemplo de secularização que se tornou popular nos anos 90, foi o livro As 7 Leis Espirituais do Sucesso, do Dr Deepak Chopra. A mensagem central do livro, é Universal e importante para pessoas de todas as crenças e trata-se de uma secularização das crenças hindus. 

O mesmo aconteceu com o Mindfulness que ensina técnicas de Meditação do Yoga e do budismo, retirando tudo que possa ter alguma interpretação religiosa.

Krishnamurti é o indiano que melhor fez o trabalho de secularização dos ensinamentos hindus. 

Jiddu Krishnamurti nasceu na Índia em 1895 e teve seu trabalho difundido no mundo todo por ocidentais que o descobriram e começaram a publicar seus livros em várias línguas. Foi aceito como cidadão americano e morreu em Ojai na Califórnia em 1986 com 91 anos e plenamente lúcido.  

Embora a filosofia de Krishnamurti tenha se aprofundado em campos tão diversos quanto os estudos religiosos, educação, psicologia, física e estudos da consciência, ele não foi reconhecido nos círculos acadêmicos. 

No entanto, Krishnamurti reuniu-se e manteve discussões com os físicos Fritjof Capra e E. C. George Sudarshan, o biólogo Rupert Sheldrake, o psiquiatra David Shainberg, bem como psicoterapeutas que representam várias orientações teóricas. 

Frijot Capra fez um trabalho parecido com o de Krishnamurti só que usando mais a ciência e não a filosofia para entender fenômenos descritos nas escrituras. Em seu livro “o Tao da Física” apresenta as respostas para colocações como por exemplo a percepção de meditantes experientes de que o indivíduo pode fundir-se no todo. 

Krishnamurti investigou profundamente a natureza da mente, suas transformações psicológicas e de como a meditação pode funcionar como uma ferramenta de aprimoramento pessoal. Relatou investigações internas, relações humanas e mudanças na sociedade. Enfatizava a necessidade de uma revolução na psique de todo ser humano e que tal revolução não pode ser realizada por nenhuma entidade externa, seja religiosa, política ou social. 

Para Krishnamurti, a verdadeira Revolução só pode acontecer dentro do indivíduo.

Revolucionário do universo interno, o sábio secular, Krishnamurti.

Para ver o vídeo CLIQUE AQUI

 

O que é um Guru?

Para enterder nossa definição de guru, assista esse outro vídeo

 

Entenda o conceito do Guru Interno CLICANDO AQUI.

Guru Interno – Ouvindo a Sabedoria Interna


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *