Blog


A ação necessária para o professor de Yoga

Conteúdo de Yoga | 4 mar 2022 | Lucas De Nardi


A ação necessária para o professor de Yoga

A ação necessária para o professor de Yoga é a prática das técnicas para que possa saber transmiti-las pela experiência do que elas trazem.

No entanto, na Tradição do Yoga existe um estágio chamado sat sang.

Tratam-se de aulas nas quais o praticante pode tirar dúvidas com seu Guru sobre sua evolução e aprender sobre o embasamento teórico do Yoga. 👵👵👵

Tais encontros continuam acontecendo ao longo do tempo porque é natural no desenvolvimento surgirem novas dúvidas, diferentes percepções e a necessidade de explicações mais elaboradas sobre aquilo que o praticante experimenta.

Se transferirmos essa metodologia para a realidade ocidental, onde se faz aulas regulares em uma escola ou uma formação ao longo de um determinado tempo, mas sem viver integralmente dedicado a isso, podemos dizer que esse esclarecimento equivale ao estudo da literatura do Yoga. Ou seja, em ambos os casos a fundamentação teórica faz parte do processo evolutivo do Yogin. 📖📖📖

Para ensinar Yoga é ainda mais importante entender sua proposta e métodos. Ainda que nada irá substituir a experiência em primeira pessoa, a partir do momento que o praticante decide se tornar professor, estará sendo questionado sobre o Yoga nos mais diferentes aspectos.

Imagine alguém que treina triatlo e se torna muito bom nisso. Inegavelmente ele não precisa entender dos treinos, da história do esporte ou de como se constrói resistência para chegar ao final da prova. Precisa apenas treinar e evoluir dentro do esporte que escolheu praticar. 🏊🏃🏊🏃

No entanto, se ele decide começar a treinar outros atletas, a história muda completamente de figura. Afinal, os alunos vão precisar de diferentes tipos de treinos, terão dúvidas variadas sobre as técnicas, sobre as provas, sobre a alimentação, etc. Portanto, ele precisa criar um entendimento maior do que simplesmente nadar, correr e pedalar. 

No Yoga isso também acontece. Na maior parte das vezes, são as experiências dentro da prática que estimulam os praticantes a se tornarem professores. 🙋🙋🙋

Para deixar de ser aluno e conduzir uma turma é preciso um outro tipo de entendimento da aula e do próprio Yoga em si. É aqui que o estudo de obras respeitadas fará diferença entre quem sabe apenas repetir um texto decorado e quem realmente conhece o assunto.

Então, por onde começar os estudos? Quem são os melhores autores? Quais obras merecem seu tempo e atenção? 🤔🤔🤔

No quinto episódio da série Professor de Yoga – Bases do Ensino trazemos nossas recomendações sobre as obras que abordam diferentes aspectos do Yoga. Se você ainda não está inscrito na série, clique aqui.

Nesta aula dividimos os livros em diferentes áreas de atuação pois o Yoga é um assunto amplo que pode ser abordado por áreas distintas do conhecimento. Clique aqui para assistir.

E você, conte-nos como faz para escolher os livros que vai estudar. 

Namaskara


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *